O ensino de ciências no currículo oficial dos anos iniciais: uma leitura da sua história

Marzane Garvão, Iône Inês Pinsson Slongo

Resumo


O presente artigo é parte de uma pesquisa ampla de mestrado acadêmico, que teve por objetivo analisar a produção científica sobre o ensino de Ciências nos anos iniciais, realizada no Brasil nas últimas duas décadas. Prioriza a análise realizada sobre a trajetória histórica da área de conteúdo escolar Ciências, a partir de estudo documental e bibliográfico que possibilitou identificar os principais fatores sociais, políticos, econômicos e educacionais que concorreram para que, finalmente, a área fosse prioridade nos anos iniciais.  O estudo foi realizado a partir de consulta a um conjunto de legislações brasileiras (leis, decretos e resoluções), publicadas pela esfera federal, que têm normatizado o ensino de Ciências para este segmento escolar. Os dados apontam a recente presença da educação científica nos anos iniciais, com destaque para as modificações que suas concepções e finalidades têm sofrido, notadamente, nas duas últimas décadas.

Palavras-chave


Ensino de Ciências; Anos iniciais; Currículo oficial.

Texto completo:

PDFA


DOI: 10.3895/actio.v4n3.10611

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 ACTIO: Docência em Ciências

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

A ACTIO adota licenciamento  Creative Commons do tipo CC-BY 4.0

Redes Sociais:

facebook                             


                   


ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr