A escola nas representações sociais de estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA)

Laêda Bezerra Machado, Ingo Damasceno Miranda de Lima

Resumo


Este artigo tem como objetivo identificar as representações sociais de escola construídas por estudantes matriculados em turmas de Educação de Jovens e Adultos (EJA) da Rede Municipal do Recife-PE. Utilizamos como referencial a Teoria das Representações Sociais. Constituem representações sociais os conhecimentos elaborados e compartilhados que se manifestam nos discursos e práticas dos sujeitos. Desenvolvemos uma pesquisa de abordagem qualitativa delineada como estudo de campo, da qual participaram 25 estudantes matriculados em diferentes módulos de EJA de três escolas municipais do Recife-PE. Como instrumento de coleta de dados, utilizamos a entrevista semiestruturada. Os resultados indicam representações de escola centradas em oportunidades de aprendizagem (sobretudo da leitura e escrita), que, em consequência, promove a ascensão social. O trabalho vem se somar a outros que, também, mostram as perspectivas que os estudantes de EJA depositam na escola.


Palavras-chave


Escola; Representações sociais; Estudantes de EJA

Texto completo:

PDF


DOI: 10.3895/rtr.v4n0.11311

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 CC-BY

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

_______________________

ISSN: 2525-6475

Indexadores, bases de dados e buscadores: Latindex | ERIH PLUS | Sumarios.org | LivRe - Revistas de acesso livre | Academia.edu | WorldCat | EZB Electronic Journals Library | The WZB Berlin Social Science Center | Universitätsbibliothek Leipzig: Elektronische Zeitschriften | Hochschule Zittau/Görlitz | Elektronische Zeitschriftenbibliothek - Universität Hamburg | Berufsakademie Sachsen: BA Sachsen | Diadorim

Indexador de métricas: Google Acadêmico

ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr