Compreensões de licenciand@s em química acerca do pensamento crítico: um possível horizonte interpretativo

Vivian dos Santos Calixto, Ananda Jacqueline Bordoni, Danieli Azanha Gazzoni Takahashi, Neide Maria Michellan Kiouranis, Marcelo Pimentel da Silveira

Resumo


Objetivamos por meio deste trabalho compreender como professores/as em formação concebem o conceito de pensamento crítico. Para tanto, foram analisadas escritas produzidas em um componente curricular com carga horária integralmente destinada a Prática como Componente Curricular. As mesmas constituem o primeiro movimento de escrita d@s licenciand@s no Portfólio, instrumento de avaliação do componente anteriormente citado. Foram elaboradas dezenove escritas e analisadas partindo dos pressupostos da Análise Textual Discursiva. Diante da análise dos textos emergiu a categoria final intitulada “O perfil do pensador crítico: potência no processo de desvelamento da realidade”, na qual é atribuído ao pensador crítico a capacidade de problematizar o contexto em que se insere por meio de olhar crítico e atento. Observando com racionalidade, buscando constantemente por conhecimento e desconstruindo verdades estáticas.

Palavras-chave


Prática como componente curricular; Pensamento crítico; formação de professores; ensino de química

Texto completo:

PDF


DOI: 10.3895/actio.v2n1.6751

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 CC-BY

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

A ACTIO adota licenciamento  Creative Commons do tipo CC-BY 4.0

Redes Sociais:

facebook                             


                   


ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr