Análise do gerador de indução duplamente alimentado aplicado à geração eólica

Vinícius Marcos Pinheiro, Luciano Coutinho Gomes

Resumo


Com a necessidade do aumento da geração de energia elétrica devido a estagnação do já presente sistema elétrico, principalmente no Brasil, tem-se estudado a utilização de fontes de energias renováveis a fim de complementar a geração já existente e poder contribuir para diminuir a utilização de fontes que colaboram para emissão de poluentes, como as termoelétricas. Sendo assim, a geração eólica vem tomando grandes proporções tanto em sua utilização quanto em campos de pesquisas, visando uma eficiência maior do aproveitamento da força do vento. Uma máquina que vem contribuindo para a utilização de tal fonte, e que será abordada, é o gerador de indução duplamente alimentado, que, diferente de muitos geradores já existentes, possibilita explorar uma ampla faixa de velocidades da massa de ar, com uma menor caixa de engrenagem e com um sistema que utiliza um conversor estático denominado de back-to-back. Contudo, em tal sistema, há a necessidade de um procedimento de filtragem dos harmônicos gerados, que, se injetados à rede, contribuem para diminuir a qualidade da energia elétrica. Portanto, serão analisados os filtros mais utilizados para contornar este problema, com o objetivo de possibilitar a adequada distribuição da energia proveniente da matriz eólica, para os consumidores.


Palavras-chave


matriz eólica; gerador de indução duplamente alimentado; conversor; distorção harmônica; filtros.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 CC-BY-NC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 
ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr