O uso do laboratório de física e a sua eficácia para o processo de ensino-aprendizagem

Emerson Fernandes Isquierdo, Neron Alipio C. Berghauser

Resumo


Este trabalho teve como finalidade, buscar informações assim como investigar e analisar a utilização do laboratório de Física no processo de ensino-aprendizagem. Em um momento em que a Física e os seus acúmulos de informações, que através de seu processo educativo oferecem pouca contribuição para a autonomia do aluno, ficando a seu encargo utilizar o que aprendeu e inserir seu conhecimento à sua realidade, é preciso que se rompam alguns conceitos pré-fixados, rotulados à disciplina de Física, para isso é necessário criar propostas com inovações baseadas nas aulas práticas no Laboratório de Física, para que ocorram um ensino com qualidade e com a primícias de buscar incessantemente um conhecimento significativo. Partindo de um princípio de que esta atitude de proporcionar esta linha do saber deveria estar ao alcance de todos, fazendo com que os ambientes escolares sejam mais interativos e motivadores, despertando a curiosidade. Essas questões não isentam os professores de Física pois antes de tudo são educadores e responsáveis pela formação que é dada ao seu aluno. A facilidade com que o aluno enfrenta a novidade deve ser aproveitada em sala de aula e mesmo no Laboratório de Física, para que ele possa buscar informações no seu cotidiano escolar que contribuam relevantemente na sua formação.


Palavras-chave


aulas experimentais; ensino de física; aprendizagem.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 CC-BY-NC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 
ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr