Aplicação de métodos e técnicas para a contextualização ao ensino da química na educação do campo

Cleber Pinto da Silva, Henry Charles Brandão

Resumo


A contextualização é um instrumento didático que possibilita ao estudante relacionar os conteúdos de química com seu cotidiano. Este trabalho teve o objetivo de verificar se os alunos dos três anos do ensino médio da rede pública da educação do campo no município de Ipiranga conseguem contextualizar os conteúdos de química, bem como observar as condições dos laboratórios de química e as metodologias empregadas pelos professores desta disciplina. Metodologicamente, a coleta de dados baseou-se na aplicação de um questionário. Os resultados apontaram que a maioria dos estudantes não conseguem relacionar os conteúdos de química com seu cotidiano, pois afirmam que a disciplina de química tem como objetivo central preparar para o vestibular. Verificou-se que na maioria dos casos a metodologia mais empregada pelos professores de química está baseada na passividade dos alunos ou na utilização de exemplificação de fenômenos do cotidiano para contextualização, não sendo realizadas aulas experimentais. Desta forma, o processo de ensino de química no âmbito desta pesquisa, não tem a abrangência ideal dos PCNs, no que se refere à contextualização dos conteúdos de química.

Palavras chaves: Transposição didática, Metodologia, Ensinar. 


Palavras-chave


Transposição didática; Metodologia; Ensinar

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 CC-BY-NC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 
ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr