Contando histórias e fazendo arte: desvendando potencialidades do deficiente intelectual

Cleonice Aparecida Tozatti, Joice Maria Maltauro Juliano

Resumo


O presente artigo constitui em trabalho de conclusão do curso da UTFPR, sobre Metodologia e Técnicas de ensino. Tendo por finalidade a realização de uma pesquisa sobre contação de história, onde foram apresentadas algumas técnicas artísticas e em seguida desenvolvidas atividades sugeridas pela professora, visando o desenvolvimento psicossocial do educando com necessidades educacionais especiais, estes inseridos em uma escola especial. Contar história para os filhos deveria ser tão importante como cuidar de sua alimentação, a história nos propicia o mundo da fantasia, onde as emoções são exteriorizadas. Notou-se que os alunos mesmo não sendo alfabetizados demonstraram interesse, motivação e sensibilidade para ouvir histórias. Baseado em conversas informais com os familiares, constatou-se que os alunos foram privados desse prazer durante sua primeira e segunda infância, devido a limitações cognitivas e a aspecto sócio econômico. A proposta sobre contação de histórias, dramatização e fazer artístico através de Técnicas de Pintura proporcionou a interação entre alunos e familiares, contribuindo dessa maneira para inseri-lo em seu meio social.


Palavras-chave


aprendizagem; dificuldade; contação de histórias

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 CC-BY-NC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 
ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr