A inserção de Paulo Freire nos estudos culturais: o conceito de cultura nas pedagogias do oprimido, da esperança e da autonomia

Maria Fatima Menegazzo Nicodem

Resumo


O presente ensaio volta-se a estudar parte da obra de Paulo Freire sob a ótica dos Estudos Culturais com a intenção de depreender-lhe o(s) conceito(s) de cultura presentes em três de suas principais obras: Pedagogia do Oprimido, Pedagogia da Esperança e Pedagogia da Autonomia. Para tanto, faz um percurso paralelo de estudos no âmago e na origem dos Estudos Culturais, buscando aqueles que operaram seus discursos fundadores – Hall, Williams, Hoggart, entre outros. Situa-se o presente estudo no objetivo de imbricar os conceitos de cultura em Freire e nos EC´s, o que, em última análise não se configura em trabalho difícil, dada a profunda sintonia que se mostra ao longo das leituras que resultam na escrita deste trabalho.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 CC-BY-NC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 
ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr