Um comparativo entre software de análise vocal e auditiva para uso em sala de aula

João Paulo Aires, Luiz Alberto Pilatti

Resumo


O presente artigo coletou as características implementadas em software aplicado a análise de problemas na fala e audição, e que possam ser aplicados em sala de aula para diagnóstico de dificuldades apresentadas pelos alunos. A metodologia utilizada para seleção dos software estudados, foi identificar artigos que abordassem o uso de software para análise vocal ou audição, selecionando os software SARDA, PreLingua, Praat e MDVP, por terem sido aqueles mais comentados entre a comunidade acadêmica. Em seguida foram retiradas as características implementadas em cada um, confrontando com a aplicabilidade na área educacional. Verificou-se que os software SARDA e Prelingua utilizam abordagem através de jogos com personagens animados e os software Praat e MDVP, adotam a avaliação vocal com exibição de gráficos. Conclui-se que é possível a utilização de software para análise acústica dos alunos em uma sala de aula, por se tratar de um complemento à correção de problemas vocais, embora os software analisados apresentem algumas limitações como: idioma das telas, necessidade configuração inicial de alguns software, dependência de conhecimento na área de fonoaudiologia para realizar a configuração, além de interferência do professor durante toda a atividade.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 CC-BY-NC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 
ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr