Aspectos produtivos de cultivares mandioca na região de Presidente Prudente, SP, Brasil

Joelson Vieira da Silva, Édison Miglioranza, Ricardo Augusto Dias Kanthack

Resumo


O objetivo do presente trabalho foi avaliar os aspectos produtivos das cultivares de mandioca IAC 12, IAC 13, IAC 14, IAC 15, IAC 576/70, IAC 118, IAC 90, Cascuda, IAC Fécula Branca e IAC Caapora, nas condições edafoclimáticas da Região de Presidente Prudente, SP. Foram avaliadas as seguintes variáveis: a) Altura das Plantas; b) Altura da Primeira Ramificação; c) Massa Fresca da Parte Aérea; d) Massa Fresca da Cepa; e) Número de Raízes Tuberosas; f) Massa Fresca de Raízes Tuberosas; g) Produção Total de Massa Fresca; h) Índice de Colheita; i) Matéria Seca de Raízes Tuberosas; j)Valor Bruto Recebido pela comercialização de Raízes Tuberosas e k)Valor Bruto Recebido por Tonelada de Raízes Tuberosas. As plantas foram colhidas 11 meses após o plantio. Os dados obtidos foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Scott-Knott a 5%. A cultivar IAC 14 proporcionou a maior remuneração e produção de massa seca de raízes tuberosas por hectare. O melhor índice de colheita foi da cultivar Cascuda. A cultivar IAC Fécula Branca foi a que apresentou maior altura da primeira ramificação.

Palavras-chave: fécula; Manihot esculenta; raízes tuberosas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 CC-BY-NC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

 
ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr