Mulheres negras e o espaço virtual: novas possibilidades de atuações e resistência

Nathaly Cristina Fernandes

Resumo


O movimento feminista negro passou ao longo dos anos, por diversas transformações, alcançando novas formas de atuações e de resistência na contemporaneidade. Algumas das ferramentas de extrema importância que contribuíram para os avanços conquistados até então, foram o uso da Internet e das redes sociais. Os resultados obtidos nesta pesquisa demonstraram que as plataformas digitais têm criado uma rede de informações muito ampla, possibilitando aos usuários compartilhamentos de vivências, e com isso, tem auxiliado o processo de visibilidade dos movimentos sociais, entre eles, o movimento feminista negro. Os aportes que embasaram nossas reflexões foram referenciais que versam sobre a temática elencada. Nosso estudo intencionou promover reflexões, em especial à comunidade acadêmica, a qual possui espaço privilegiado de visibilidade às minorias e apresentar novas possibilidades de atuações e resistência das mulheres negras no espaço virtual. Pretendeu destacar a potencialidade da internet enquanto aliada para o ativismo digital e incentivar cada vez mais o seu uso na luta por respeito às diferenças individuais e dignidade humana.


Palavras-chave


Feminismo negro. Ativismo digital. Espaço virtual. Cyberfeminismo.

Texto completo:

PDF


DOI: 10.3895/cgh.v12n40.9429

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 CC-BY-NC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.
ft_peri

Av. Sete de Setembro, 3165 - Rebouças CEP 80230-901 - Curitiba - PR - Brasil

logo_utfpr